Intranet Facebook LinkedIn (11) 5525-9777
20/07/2017
  • Share Buttons

  • Share Buttons

  • O que é um sistema de lubrificação?

    Muitos acreditam que a função dos lubrificantes seja apenas para reduzir o atrito entre dois materiais. Embora sua principal função seja esta, o uso de um sistema de lubrificação adequado também traz outras funcionalidades como, a redução da temperatura, minimiza a corrosão em superfícies metálicas, evitar a formação de resíduos e sedimentos, e prevenir a contaminação de partes essenciais do sistema. Um sistema de lubrificação visa garantir uma operação livre de falhas mecânicas e prolongar a vida útil de partes e peças de uma máquina ou processo produtivo.

    O que é lubrificação? Para entender o que é lubrificação, vamos explicar, primeiramente, para que serve a lubrificação.

    Atrito é uma força atuante em corpos que estão em contato, essa força resiste ao movimento destes corpos. Parece algo ruim, mas sem atrito nada poderia se mover. Em alguns casos precisamos reduzir e controlar essa força de atrito.

    As superfícies dos materiais apresentam rugosidade e quando materiais diferentes se tocam, partes minúsculas do material mais fraco se quebram, isso acaba aumentando o atrito e consequentemente, gerando calor. Neste sentido, utilizamos lubrificantes para reduzir o atrito e a temperatura de partes móveis em máquinas e equipamentos.

    Aplicação Manual x Aplicação Automática

    O processo ou sistema de lubrificação pode ser de aplicação Manual ou automático. Na aplicação manual um operador é o responsável por aplicar lubrificante. Na maioria das vezes, aplica-se uma grande quantidade de lubrificante para reduzir o número de intervenções humanas na máquina ou equipamento.

    Na aplicação automática é possível garantir a frequência de aplicação de lubrificante e também a quantidade exata necessária. Um grande benefício da aplicação automática a confiabilidade de que o lubrificante foi aplicado em todas as partes da máquina.

    O processo ou sistema de lubrificação pode ser de aplicação Manual ou automático.

    Do que é composto um sistema de lubrificação?

    Podemos considerar que os sistemas básicos de lubrificação utilizam:

    • Unidade de Bombeamento:
    – Bomba
    – Gabinete de Proteção
    – Válvulas
    – Painel elétrico
    • Distribuidores
    • Tubos e conexões
    • Acessórios de Fixação

    O que é um Sistema de lubrificação Centralizado?

    É um sistema de aplicação do lubrificante em todos os pontos de uma máquina (ou conjunto de máquinas simultaneamente), nas quantidades, pressões e frequência corretas, a partir de um reservatório central.

    Benefícios de um sistema de lubrificação centralizado

    Produtividade: Não há necessidade de paradas programadas para a aplicação de lubrificante.
    Economia: Elimina o desperdício de lubrificante.
    Segurança: Lubrifica todos os pontos automaticamente, sem a necessidade de um operador no local.
    Proteção ao Meio Ambiente: É um sistema organizado, limpo e sem vazamentos.
    Redução de custos: Reduz a necessidade de mão-de-obra para a aplicação do lubrificante e garante maior vida útil dos equipamentos.
    Eficiência e Confiabilidade: Dosagem correta, frequência determinada, sem omissões, sem contaminantes.

    Principais Aplicação

    Sistemas de lubrificação centralizados são empregados em praticamente qualquer tipo de máquina ou equipamento, sejam eles móveis ou estacionários, desde pequenas máquinas têxteis com alguns pontos de lubrificação, até grandes instalações siderúrgicas com milhares de pontos.

    Conheça alguns segmentos nos quais os sistemas de lubrificação centralizados são amplamente utilizados:

    • Papel & Celulose
    • Petroquímica
    • Siderurgia
    • Máquinas-Ferramentas
    • Transporte
    • Açúcar & Álcool (Etanol)
    • Mineração
    • Óleo & Gás
    • Energia Eólica
    • Alimentação
    • Fertilizantes
    • Entre outros

    Voltar

    Fale Conosco

    Tire suas dúvidas ou solicite um orçamento.